Um mini guia para alugar apartamentos em New York

Quando chegamos a NY com essa missão, ainda mais recém chegado do Brasil, essa tarefa pode ser um tanto frustrante. Me lembro da minha experiência, quando ainda não existia a craigslist.org e nem outros serviços como esse online. Íamos a uma empresa que vendia um serviço de lista por 3 meses, e você ia recebendo por email todo dias novas opções, e tinha que gastar a tarde inteira no telefone. Pra piorar minha situação, estávamos no apto que era sublet (sublocado), sem telefone, e não podíamos abrir outra conta, já que a pessoa não tinha ainda fechado a dela naquele mesmo endereço, ou algo parecido, não me lembro os detalhes do problema, mas me lembro indo todos os dias no orelhão, naquele frio insuportável, ligar e rezar para entender tudo que eles me diziam ou perguntavam. E depois de todo esse trabalho, era duro encarar a realidade dos apartamentos velhos, plantas bizarras, milhões de camadas de tinta na parede e portas, que dá vontade de voltar pro Brasil no próximo vôo.

Tive muita dificuldade em entender, achei que meus 8 anos de cultura inglesa fossem me livrar desse problema, mas a realidade é muito mais cruel. Ah eu chorava… de saudades, de frustração, e de nervoso em ver que muitos pediam coisas que não tínhamos, como um histórico de crédito para mostrar que éramos bom pagadores.  Depois de muito chororô, e de perdas de apartamento por não ter tudo que exigiam, conseguimos um por muita sorte, digo que o casal gostou da gente, e eu fui insistente, pois não tínhamos social security, nem conta em banco (pois não tínhamos comprovante de residência para abrir). A única coisa que mostramos foi nosso extrato no Brasil, e em português. Acredito que fecharam o negócio com a gente morrendo de medo, mas ficamos lá por 7 anos e nunca atrasamos nenhum aluguel.

Hoje em dia, as coisas estão muito mais fáceis, online você acha tudo, sem precisar por seu inglês a prova nesse primeiro momento. Algumas coisas porém, não mudaram, como tudo que exigem para alugar, e as siglas que usam nos anúncios para descrever o que tem no apartamento, então vou dar algumas dicas.

As duas maneiras de alugar mais usadas são as que você procura os apartamentos em listas, marca e vai visitar, e a outra é pagando um broker, o nosso famoso corretor, mas aqui nos EUA, quem paga a comissão dele é você. Fora o depósito que deixamos como garantia, no meu caso foram 2 aluguéis, tem também normalmente um aluguel a mais para o broker.

Broker Fee – pagamento de broker, ele vai olhar os apartamentos que atendem seus requisitos e te levar para ver alguns.
No- Fee Apartments – Você não paga nenhuma taxa, a negociação pode ser diretamente com o proprietário ou na verdade existe até um broker, mas a negociação de comissão eles fazem entre eles

Normalmente, os brokers economizam seu tempo, mostrando apenas aquilo que lhe interessa, quando vamos atrás sozinhos, as decepções são enormes, já que em NY cada apartamento é de um jeito, sem padronização, e existem  plantas mais loucas do que você possa imaginar. Alguns super velhos, caindo aos pedaços, sem janelas, em basements, com banheiro e cozinha em locais bizarros.  Abaixo, algumas siglas que as pessoas usam no anúncio, e a gente ignora por não saber o significado, pode economizar algumas viagens perdidas. A maioria deles, vem com lava-louça, geladeira, fogão e microondas. Alguns incluem as contas de luz e aquecimento (utilities included). Abaixo algumas siglas que estão nos anúncios e que muitas vezes passavam em branco pois não sabia o que significavam.

d/w – diswasher
effcy ou eff – efficiency, apartamento de um cômodo apenas com uma cozinha bem pequena
e,g,c,p – Eletricidade, gás, cabo e telefone
HDWD – piso de madeira
W/W – carpete de parede a parede
WIC
Walk in Closet (vc consegue entrar no closet, não é apenas uma portinha como um armárioBSMT– Basement
EIK  – eat-in kitchen
EXP – exposure
UNFURN – Unfurnished (sem mobília)
DEN – uma salinha pequena que pode ser usada para qualquer coisa
Hook-ups – Significa que tem instalação para algo, por exemplo dihwasher hook-ups, é que tem instalação para lava-louça, mas não tem a lava louça no apto.
RENOV– Renovated (reformado)
AMEN – amenidades
PVT ENTR – Private Entrance
SH, SHR – To share (bom para dividir)
Walkup – não tem elevador, apenas escadas

Estilos de apartamentos:

Studios:

  • A straight studio normalmente é um cômodo com um banheiro.  Tem uma cozinha separada ou estilo americano. Variam drasticamente de tamanho, e alguns tem um lugar separado para se vestir.
  • An Alcove Studio, tem uma alcova, um local separado para jantar ou dormir e é normalmente um pouco maior do que o studio normal. Normalmente configurado em formato “L” ou duas áreas podem estar separadas por um arco.
  • A convertible studio normalmente maior que os outros para possibiltar a divisão em dois ambientes.

One-Bedrooms:
Significa que quarto e sala são separados. Alguns tem cozinha totalmente separada e outras são abertas para a sala. Alguns quartos cabem apenas uma cama de solteiro, outros cabem uma cama king size. Variam bastante de tamanho

  • A junior 1- bedroom
    Normalmente é um studio extra-large, ou um loft pequeno, grande sufiente para dividir uma área apenas para dormir.
  • A “three -room” apartamento com 3 cômodos que não é convenientemente posicionado para ser dividido em áreas totalmente separadas, como por exemplo um apartamento com divisão estilo “rail road”.  No Estilo Rail road, os cômodos são conectados, não tendo um corredor para a cesso, ou seja, para ir ao ultimo cômodo você passa dentro dos primeiros, estilo vagão de trem mesmo. Esse apartamentos estão normalmente em prédio sem elevadores, os “walkups”
  • A junior 4 é um apartamento de 1 dormitório grande, normalmente com cozinha separada, área de jantar, um grande “lobby” e living room  grande, possibilitando dividir para fazer um quarto extra.
Two Bedrooms:
  • A full 2-Bedroom or “real 2-Bedroom”  tem dois quartos mais uma sala de estar, e pode ou não ter uma cozinha separada. Tamanho dos quartos variam. Pode ter um banheiro  um e meio, ou dois.
  • Convertible 2-Bedroom or “flex 2” é na verdade um apartamento grande de 1 dormitório com uma sala de estar grande que dá para dividir, colocar uma parede e fazer o segundo dormitório
  • A wing 2-bedroom – tem dois cômodos que são separados por uma área comum, como por exemplo uma cozinha, mas sem uma real sala de estar. São normalmente encontrados no  Greenwich Village e são bons para estudantes e roommates que não precisam de muito espaço comum.

Three Bedrooms:
Esses apartamentos oferecem 3 dormitórios separados, área comum, cozinha, e o tamanho dos quartos variam bastante.

  • Converable 3 bedroom é um apartamento de 2 dormitórios com a sala de estar grande suficiente para dividir e fazer 3 dormitórios.
  •  A “classic” 6 é um 3 dormitórios geralmente em prédios de luxo, pre-war (construídos antes da segunda guerra) que foi originalmente arquitetado para ser 2 quartos mais um dormitório de empregada, sala de estar, de jantar, cozinha separada e  de 2.5 a 3 banheiros
  • Loft: Um loft é um espaço grande, aberto com pouquíssima ou nenhuma parede. Inicialmente eles eram uma conversão de prédios comerciais em unidades residenciais, Normalmente com pé direito alto, e janelas grandes. Encontrados mais facilmente em bairros comerciais, apesar do estilo hoje ser copiado em prédios luxuosos de áreas residenciais.
  • Duplex: Apartamento com 2 andares, tanto pode ser um legitimo andar duplo ou apenas um espaço aberto em um apartamento de pé direito alto.
  • Railroad Apartment: Um cômodo leva diretamente ao outro, sem nenhum corredor que faça a conexão (ou seja, privacidade zero)
Bookmark the permalink.

6 Responses to Um mini guia para alugar apartamentos em New York

  1. Ronisia says:

    Mô, amei o novo visual do blog… AMEI mesmo!!!
    Bjs pra todos 🙂

  2. Cyn says:

    Eu fico so pensando na fortuna que esses apartamentos custam… da pra dar uma ideia?

  3. Danielle says:

    Oi Monica
    Ótimo post esse. Eu sou do Rio e em abril passado meu marido foi transferido para o Canadá. Estamos morando em Montreal. Aqui alugar apartamento é meio parecido com os Estados Unidos. É preciso histórico de crédito, algumas vezes depósito de um ou dois meses de aluguel e coisas do tipo. Nós demos muita sorte pq na empresa do meu marido tem uma funcionária do RH que também é Real State e ficou com a tarefa de nos ajudar a achar um apt. Por aqui os apartamentos também são velhos e algumas plantas são bem esquisitas, mas demos sorte de achar um apt com ótima localização em contrução relativamente nova.

  4. Danielle says:

    Olá Mônica,
    Estou indo para NY em abril/2013. Vou estudar inglês por 6 meses.
    Achei sei blog nas minhas pesquisas sobre o tema e estou adorando, dicas valiosas.
    Será que vc pode ma ajudar com essa história de apartamento? Estou ficando com os cabelos brancos…rs.
    O 1º mês vou ficar numa residência, mas acho que não vou me adaptar…tenho 33 anos.
    Então quero alugar um apartamento pelos 5 meses seguintes.
    O que você me sugere? Algum corretor?
    Acha que é dificil conseguir alugar sem comprovar renda? Eu posso pagar adiantado….
    Quanto vc acha que é um valor razoavel para aluguel mensal? Nas minhas pesquisas (meu inglês é básico) vejo muito diferença nos preços…em lugar legal varia de $1800 a $10000.
    Ufa…desculpe tantas perguntas, mas estou desorientada…rs.
    Beijossssss

Deixe um comentário